Skip to content →

Tag archive for: fabio góes

Melhores de 2011: 10 discos nacionais

Os 10 discos nacionais que eu mais ouvi e gostei em 2011.

01) Los Porongas – O segundo depois do silêncio

02) Pélico – Que isso fique entre nós

03) Wado – Samba 808

04) Fabio Góes – O destino vestido de noiva

05) Criolo – Nó na orelha

06) Romulo Fróes – Um labirinto em cada pé

07) Kassin – Sonhando devagar

08) Transmissor – Nacional

09) Bonifrate – Um futuro inteiro

10) Momo – Serenade of a sailor

Leave a Comment

Melhores de 2011: 10 músicas nacionais

01) Los Porongas – “Dois lados”

02) Wado – “Com a ponta dos dedos”

03) Bonifrate – “Esse trem não improvisa”
[bandcamp track=1863866166 bgcol=FFFFFF linkcol=4285BB size=venti]

04) Criolo – “Subirusdoistiozin”

05) Kassin – “Calça de ginástica”

06) Pélico – “O menino”

07) Fabio Góes – “Tão alto e fora do lugar”

08) Jair Naves – “Um passo por vez”

09) Emicida – “Zica, vai lá”

10) Karina Buhr – “Cara palavra”

 

Leave a Comment

Novo álbum de Fabio Góes

O pessoal da Phonobase me convidou para participar da ação de lançamento do novo álbum de Fabio Góes, O destino vestido de noiva, que ganha o mundo nesta segunda-feira (20/06). Abaixo está o texto que escrevi sobre o disco (e que também está no site de Góes).

Eu já havia dado a dica aqui sobre o single “Tão alto e fora do lugar“, que entregava o que poderia vir a ser o álbum completo: bem mais puxado para o pop do que o disco anterior, Sol no escuro. E é isso. É pop sem se perder. É pop bom de se ouvir.

Passe lá no site de Fabio Góes para ver o que outras pessoas também escreveram sobre O destino vestido de noiva, que tem um texto de apresentação bem sincero e bonito escrito pelo Kassin. Além, claro, de ver todo o esquema de disponibilização do álbum.

O melancólico álbum Sol no escuro, que Fabio Góes lançou em 2007, já demonstrava um compositor com certo cuidado e preocupação em entregar um produto bem acabado ao ouvinte. Transitando por caminhos entre a MPB e até alguns ecos de Radiohead, com letras e melodias introspectivas e melancólicas, Góes não pedia atenção. Sol no escuro chamava atenção por sí só. Pelo seu valor enquanto obra singular naquele ano.

Cortamos para 2011 e eis que Fabio Góes tira um novo álbum da manga, O destino vestido de noiva, em que vai contra o caminho que poderia parecer mais certo (e fácil) para um segundo trabalho. O disco de agora vai para um lado talvez oposto ao anterior e Góes chega com uma veia bem mais pop, sem perder o esmero tanto em termos de composição quanto nos detalhes de gravação e produção. Agora as canções estão mais abertas, mais “para fora”, por assim dizer. Diferente do primeiro trabalho, em que são mais contidas, introspectivas.

Os temas das canções continuam dentro do universo urbano, em que os personagens amam, sentem medo e buscam a felicidade, seja sob uma perspectiva local (“A rua”) ou global (“Fugindo”). A vida a dois que, com o tempo e a rotina, pode perder parte do encanto, é percebida em “A escolha” – ainda assim há esperanças, segundo a canção. Até o caos do trânsito em uma metrópole pode ser simbolizado na instrumental “Incenso” e suas fagulhas de Explosions In The Sky. Em resumo, O destino vestido de noiva é um disco urbano que apresenta ao ouvinte personagens do cotidiano sob um olhar poético, singelo.

O álbum leva produção do próprio Fabio Góes, que também assume todos os instrumentos em parte das canções. Ainda assim, apesar do trabalho de produtor aparentemente solitário, o músico conta com participações de Curumin, Luísa Maita e do onipresente Kassin. Góes é compositor e produtor musical de comerciais e filmes, o que talvez explique a produção caprichada e detalhista de O destino vestido de noiva. Isso tudo unido com uma sensibilidade artística que, mesmo com toda a técnica envolvida, deve ser o norte para qualquer trabalho do tipo. E aqui isto é perceptível.

 

Leave a Comment

Fabio Góes – “Tão Alto e Fora do Lugar”

Depois do elogiado disco de estreia Sol no Escuro, lançado em 2007, Fabio Góes promete novo trabalho para abril. Intitulado O Destino Vestido de Noiva, o álbum já ganhou o primeiro single, “Tão Alto e Fora do Lugar”, que mostra um lado bem mais pop que o melancólico disco de 2007.

É possível ouvir e baixar “Tão Alto e Fora do Lugar” aqui no hotsite do disco. E o músico também liberou o mini-doc abaixo, em que fala mais sobre a produção do novo álbum, que terá participações de  Curumin e Kassin. Vem coisa boa por aí. Não só pelas participações, mas pelo crédito que Fabio Góes tem.

Dica: no hotsite também é possível baixar o primeiro disco de Fabio Góes, Sol no Escuro. Vale a pena.

 

One Comment